Um vestido preto

21 de nov de 2012


- Aonde você vai vestida assim?

Ela acabara de sair do banho e colocara seu vestido favorito. Não era “de festa”, mas deixava-a bonita e por isso adorava. Passara alguns bons minutos admirando-se.

Sempre achara que aquele vestido deixava-a parecida com uma de suas cantoras favoritas - mesmo com tantas diferenças.

Resolveu passar um batom vermelho pra completar a imagem, ficara um pouco pálida de preto, não? Instantaneamente seus lábios saltaram. Não era muito de usar batom, mas o vermelho sangue sempre os fazia parecer maiores, ela adorava. Olhou-se novamente no espelho de corpo inteiro: Os cachos ainda pingavam do banho recém-tomado, o vestido realmente caia-lhe bem e a boca agora competia com o tamanho dos olhos.

Foi só quando sua mãe entrou no quarto e lhe fez aquela pergunta e que reparou que já passar da hora de dormir. Era tarde demais pra ir a algum lugar. Tarde demais para alguém vê-la vestida assim. Tomara aquele banho para tentar sentir-se melhor depois de um dia difícil e cansativo, não sabia por que pegara o vestido do armário ao invés do pijama velho. Ou por que tão tarde da noite resolvera se arrumar. Precisava dormir e descansar antes de voltar ao trabalho no dia seguinte, mas resolvera perder algum tempo olhando-se no espelho e se produzindo. Para quê? Por quê? Quem entenderia? Nem ela mesma provavelmente.

- A lugar nenhum.

Caminhou até o banheiro para tirar o batom que passara. Olhou-se no espelho mais uma vez, mas agora sorriu para sua imagem: ela só queria se sentir-se bem.

0 comentários:

Postar um comentário